Blog / Destaque Notícias / ​Natura começa a utilizar rastreabilidade com blockchain
natura-cosmeticos

​Natura começa a utilizar rastreabilidade com blockchain

A Natura, fabricante e varejista de produtos de beleza, está em fase de operação de um projeto-piloto que testa a utilização de uma rede blockchain para a rastreabilidade da cadeia de produção da empresa. 

A iniciativa é desenvolvida com a SAP a partir de um programa de coinovação de blockchain iniciado em 2017.

Com o projeto, a empresa busca serializar os produtos, criando uma identidade única de todas as suas partes (como bisnagas e caixas para embalagem).

“O objetivo do uso de blockchain é facilitar e agilizar o processo de rastreabilidade com o mapeamento da cadeira inteira, passando pela colheita, entrada do insumo na Natura, produção e distribuição”, explica Karina Albini, coordenadora de inovação e qualidade da Natura, que apresentou uma palestra no SAP NOW, evento realizado em São Paulo.

Para o piloto, a empresa optou por testar a tecnologia em uma das rotas de produção da linha Ekos, que envolve produtos desenvolvidos a partir de bioativos da Amazônia.

No projeto de teste, a rede blockchain envolve a comunidade de colheita, o núcleo de recebimento dos insumos (que já inicia a serialização das sacas de sementes e frutos), uma cooperativa, a fornecedora que transforma os insumos em óleo ou manteiga e a própria Natura.

A operação do piloto foi iniciada no campo em agosto deste ano.

O processo pode levar a empresa a trabalhar novos formatos de marketing envolvendo as embalagens. Uma ideia é utilizar o QR Code impresso na caixa para mostrar ao consumidor as informações sobre o histórico do produto, oferecer dicas de uso e possibilitar a recompra do item com maior facilidade.

No entanto, toda a iniciativa que envolve o blockchain ainda é apenas uma experimentação.

“O investimento num projeto como esse é alto e envolve muitas etapas. O piloto serve para estudar as possibilidades da tecnologia e analisar a viabilidade de utilização em maior escala”, detalha Albini.

Fundada em 1969, a Natura é uma multinacional brasileira de higiene e cosmética. Líder no setor de venda direta no Brasil, tem mais de 1,7 milhão de consultoras.

A empresa faz parte da Natura &Co, resultado da combinação entre as marcas Natura, The Body Shop e Aesop, que registrou receita líquida de R$ 13 bilhões em 2018.

Você pode acessar a notícia original diretamente no site Baguete