Blog / Blockchain / “É preciso pensar descentralizado”: como a tecnologia blockchain pode revolucionar a visão de mercado
Blckchain ensina a pensarmos de uma forma descentralizada

“É preciso pensar descentralizado”: como a tecnologia blockchain pode revolucionar a visão de mercado

A Internet nasceu com o intuito de descentralizar as informações de forma que a comunicação durante a guerra fria fosse mais segura e difícil de interceptar. O Ipod foi criado para ser um facilitador que permitiu que o usuário tivesse a liberdade de ouvir todas as suas músicas preferidas quando quiser e onde quiser.

Segurança, liberdade e descentralização são aspectos muito importantes para as tecnologias emergentes. Esses pontos chamam a atenção independente do produto, pois o usuário quer ter cada vez mais a liberdade de fazer as coisas do seu próprio modo. A blockchain é algo que consegue alinhar perfeitamente esses benefícios, o que mostra o potencial dessa tecnologia de criar a próxima revolução na forma como nos comunicamos. Mas qual é a verdadeira revolução que essa tecnologia pode trazer e o que precisamos fazer para estarmos preparados?

Pensar descentralizado é necessário

Blockchain consiste em um banco de dados descentralizado e criptografado que tem como característica a imutabilidade de informações, isto é, uma informação adicionada na blockchain nunca poderá ser mudada. Partindo desse princípio podemos afirmar que a primeira mudança proporcionada pela blockchain é o fato de precisarmos enxergar as coisas como permanentes. Com a internet nós aprendemos que é possível verificar registros muito antigos, porém sempre há a possibilidade de apagarmos um registro de algo que não gostamos ou que consideramos não se aplicar mais ao nosso modo de pensar. Com a blockchain isso muda, nossos registros não são mais apagados e todas as nossas ações são passíveis de verificações, podendo rastrear um dado até seu ponto de origem.

Além disso, a grande virada de chave apresentada é a descentralização. Um registro de transações financeiras, uma cadeia de distribuição logística ou o caminho que uma matéria prima percorre até chegar ao seu estado final podem ser registrados na blockchain, esse registro pode ser disponibilizado para grupo seleto de pessoas ou ainda ser publicado amplamente. Saber que os dados podem ser lidos por terceiros já nos fazem modificar nossa organização de informações.

 

Uma nova forma de fazer negócios

Sem um agente centralizador negócios que dependiam de terceiros passam a ser facilitados. A compra de um imóvel, por exemplo, não precisa depender mais de uma imobiliária ou um corretor, todos os trâmites podem ser feitos diretamente entre o comprador e o vendedor, evitando assim o pagamento de taxas e encargos desnecessários.

Outro negócio que tem sua realidade modificada é o ramo agrícola. Toda a gestão de grãos, insumos máquinas e uso ou não de agrotóxicos podem ser registrados na blockchain e apresentados para o comprador final. Mostrando esses registros é possível uma negociação com base na forma de plantio e colheita pois a demanda por produtos orgânicos e sem agrotóxicos é cada vez maior.

Se você quer saber mais sobre outras aplicações da tecnologia blockchain, acesse o texto onde apresentamos 5 cases de aplicação da tecnologia blockchain para quem quer otimizar processos,  para ter mais informações sobre como é o funcionamento das blockchains faça o download do nosso material desconstruindo a blockchain: Como funciona a tecnologia das criptomoedas e tenha todas as informações sobre a origem e utilizações dessa tecnologia.